Cidasc reforça alerta sobre doenças de notificação obrigatória

CRMV-SC - Cidasc reforça alerta sobre doenças de notificação obrigatória
14/03/2019

A CIDASC, por meio do Departamento Estadual de Defesa Sanitária Animal, recebe periodicamente informações sobre suspeitas ou ocorrências de doenças que acometem os rebanhos de animais de produção em Santa Catarina. Estas informações são geradas a campo a partir da atuação dos profissionais médicos veterinários privados e das atividades de vigilância executadas pelos médicos veterinários oficiais da CIDASC. O médico veterinário da CIDASC recebe a comunicação de suspeitas ou ocorrências de doenças feita pelo profissional privado diretamente na Unidade Veterinária Local (UVL). A partir do recebimento desta notificação, o Serviço Veterinário Oficial (SVO) irá desencadear as medidas necessárias para a prevenção, controle e/ou erradicação da doença, conforme a legislação vigente e os programas implantados. Vale ressaltar que apenas algumas doenças de notificação obrigatória são objeto de programas de controle oficial ou de vigilância pelo SVO. Para exemplificar, podemos citar as enfermidades da raiva em herbívoros, a brucelose e a tuberculose em bovinos e bubalinos e as salmoneloses em aves, as quais geram ações do serviço oficial.

LEIA MAIS



Voltar ao topo