Vacinação COVID-19 - CRMV-SC viaja pelo interior do Estado solicitando vacinação para médicos-veterinários

11 de junho de 2021

O CRMV-SC permanece em busca de apoio de gestores municipais para que médicos-veterinários, a exemplo dos demais profissionais da saúde, também sejam imunizados contra Covid-19.

Apesar do Ministério da Saúde ter prometido realocar os profissionais da medicina veterinária na lista prioritária de vacinação não houve mudança no cronograma vacinal. Mesmo antes de todo este imbróglio, o Conselho catarinense está se mobilizando. Veja ações.

Na segunda-feira (07) a equipe esteve no período da manhã em Joaçaba, onde o pleito foi feito ao Secretário Municipal de Saúde Valmor Reisdorfer. Ainda na segunda-feira, durante a tarde, a Conselheira do CRMV-SC, M.V. Lauren das Virgens Ventura Parisotto, ao lado dos Assessores, esteve com a Secretária de Saúde Municipal de Concórdia Leide Mara Bender, entregando o ofício e a listagem em mãos.

Nesta terça-feira (08) a tarde, o Prefeito de Chapecó, João Rodrigues, recebeu a Vice-Presidente do CRMV-SC, M.V. Silvana Giacomini Collet, que reforçou o pedido e entregou a listagem com o nome dos profissionais da cidade ao prefeito. A visita foi a acompanhada do M. V. Luis Carlos Giongo, Presidente do Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas (Nucleovet), do Assessor Técnico e de Gabinete do CRMV-SC, M.V. Paulo Zunino e do Assessor Jurídico, Adv. Anselmo Machado.

No período da manhã, os representantes do CRMV-SC estiveram em Xanxerê onde fizeram a mesma articulação junto à Secretária de Saúde do município Francis Mara Zago Pegoraro e à Coordenadora da Vigilância em Saúde, Caroline Cenzi.

“Buscamos expor a importância do médico-veterinário na sociedade, inseridos em diversas áreas, como na saúde pública, no controle de zoonoses, na biosseguridade de rebanho e tantas outras atividades. Os gestores entederam nossa demanda, manifestaram apoio e os devidos encaminhamentos para que a vacinação possa ocorrer de forma regular entre os profissionais da classe”, disse a Vice-presidente.

Na quarta-feira (09), pela manhã, o Secretário de Saúde de Lages, Claiton Camargo de Souza conversou no período da manhã com a Delegada da Regional do CRMV-SC em Lages, médica-veterinária Eloá dos Santos Kaguimoto, com o médico-veterinário e Assessor Técnico do Conselho, Paulo Zunino e com o Advogado e Assessor Jurídico, Anselmo Machado. À tarde, em Rio do Sul, o Diretor da Vigilância Sanitária da cidade, James Rides da Silva, recebeu a Conselheira do CRMV-SC Helena Eller Haverroth e os Assessores Técnicos.

Assim como em todas as outras reuniões presenciais realizadas sobre o mesmo assunto, foi solicitada a inclusão imediata dos médicos-veterinários no grupo prioritário de vacinação, assim como os demais profissionais da área da saúde. De acordo com Paulo Zunino, ambos os gestores que receberam a listagem dos profissionais residentes em cada cidade, reconhecem o médico-veterinário como um profissional da saúde e prontificaram-se a analisar a situação dentro das diretrizes do plano de imunização.

AVANÇO EM XANXERÊ

Logo depois da reunião da comitiva do CRMV-SC em Xanxerê na terça-feira (08), a Secretária de Saúde do município Francis Mara Zago Pegoraro assinou ofício encaminhado ao Coordenador da Comissão de Intergestores Regionais (CIR) de Xanxerê, Acácio Mascarello, solicitando que o pleito do CRMV-SC fosse atendido.
De acordo com o documento “torna-se pacífico o entendimento que o médico-veterinário deve possuir acesso igualitário às demais categorias profissionais que estão no rol das profissões de nível superior da área de saúde. Solicitamos, portanto, a vacinação de 166 profissionais médicos-veterinários que atuam no município de Xanxerê”.















Compartilhar   Compartilhar   Imprimir
Voltar   Página Inicial   Topo