Conselho Regional de Medicina Veterinária de Santa Catarina - CRMV-SC
Atendimento 48 3953-7700           
Transparência        

CRMV-SC promoverá evento sobre a atuação do Médico-Veterinário nos serviços municipais de atenção aos animais

18 de maio de 2023

As questões envolvendo animais nas cidades são um grande desafio para a administração pública, devido à pressão da sociedade e ao aumento da população canina e felina. Entre essas demandas, os problemas mais críticos são a presença de cães nas ruas, o descontrole populacional e os maus-tratos aos animais. Neste contexto, a atuação profissional do médico-veterinário na prefeitura é de extrema relevância, visto ser o profissional habilitado para promover e garantir o bem-estar dos animais. No entanto, faz-se necessária uma discussão ampla sobre as responsabilidades compartilhadas nas ações de políticas públicas, bem como sobre a legislação, os procedimentos e as responsabilidades dos médicos-veterinários em relação aos serviços municipais.

Por isso, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Santa Catarina, por meio da Comissão de Medicina Veterinária Legal (CMVL), com apoio da Somevesc, realizará o Seminário "Atuação do Médico-Veterinário nos Serviços Municipais de Atenção aos Animais", que acontecerá na cidade de Palhoça, no dia 06 de julho de 2023, na Unisul e no dia 22 de Setembro na Unoesc, em Xanxerê, ambos das 8h às 17h. O CRMV-SC irá encaminhar nos próximos dias um ofício a todos os prefeitos explicando a importância do tema e solicitando a participação do médico-veterinário local.

A programação será durante o dia todo e irá abordar temas como as principais regulamentações acerca dos serviços municipais envolvendo saúde e cuidado animal; responsabilidade ética, civil e criminal e o papel do responsável técnico médico-veterinário e fiscalização de maus-tratos pelo Conselho Regional”, entre outros. De acordo com a Presidente da CMVL, M.V. Luciana Vargas Sant Ana, “ Além de tantas cobranças e desassistências, o profissional deve, por outro lado, seguir diversas regulamentações determinadas pelo seu órgão de classe, as quais nem sempre podem ser cumpridas, colocando-o numa posição de extrema vulnerabilidade ética e legal. Este debate é fundamental aos colegas que atuam nos serviços municipais”.

O evento também será validado como Seminário de RT e será aberto aos estudantes das últimas fases dos cursos de medicina veterinária e zootecnia. As vagas são limitadas. Inscrições aqui